FORA. CAP é goleado pelo Cruzeiro nas quartas de final e está fora do Campeonato Mineiro

Com o resultado, o Cruzeiro avança às semifinais do torneio estadual e espera seu adversário, que sairá após o término dos confrontos desta rodada de jogos. 

cruzxcap-quartas-de-final6

O Cruzeiro jogou fácil e começou a matar o jogo antes dos 10 minutos de jogo.

Fotos: Vinnícius Silva|Cruzeiro


 Da redação da Rede Hoje


O torcedor que esteve no Mineirão na noite deste sábado certamente não se esquecerá por um tempo do show que aconteceu no gramado. A brilhante atuação foi proporcionada pelo Cruzeiro, que goleou o Patrocinense por 5 a 0 em jogo válido pelas quartas de final do Campeonato Mineiro. 

Com gols na primeira etapa foram anotados por Fred, aos 7 minutos, e Rodriguinho, aos 22 e no segundo tempo, por Marquinhos Gabriel(com apenas um e três minutos), e novamente por Rodriguinho, aos 29. 

Com o resultado, o Cruzeiro avança às semifinais do torneio estadual e espera seu adversário, que sairá após o término dos confrontos desta rodada de jogos.

O CAP agora se prepara para o Campeonato Brasileiro da Série D. O Cruzeiro volta suas atenções para o duelo da próxima quarta-feira, às 21h30, contra o Deportivo Lara, pela Copa Conmebol Libertadores.

O jogo. Em uma decisão que definiria quem avançaria às semifinais do Campeonato Mineiro, o jogo começou truncado, mas com o Cruzeiro tentando impor sua força dentro de casa. Logo aos 7 minutos, Rodriguinho tomou a bola do adversário, entregou para Robinho. O meia lançou Fred, que estava dentro da área e finalizou: Cruzeiro 1 x 0. 

Aos 12, a Raposa apareceu com perigo novamente. Edílson chegou pela direita e cruzou para dentro da área adversária. Rodriguinho subiu e cabeceou forte em direção ao goleiro Jefferson, que segurou firme. 

O Cruzeiro seguiu pressionando em busca de aumentar a vantagem sobre o Patrocinense. Quando eram decorridos 22 minutos, em uma belíssima jogada de Rodriguinho, que driblou e deixou para trás diversos atletas oponentes, o camisa 23 bateu de biquinho na bola, que entrou lentamente para o gol: Cruzeiro 2 x 0. 

Apenas 5 minutos depois, outro lance importante. Egídio chegou pela esquerda, e cruzou na cabeça de Fred. O artilheiro até acertou o gol, mas o árbitro entendeu como falta de ataque e anulou o tento celeste. 

Buscando também seu gol, Marquinhos Gabriel avançou pelo lado esquerdo do campo aos 39 minutos. Ao tentar encaixar uma bela jogada, o meia cortou para direita e bateu, mas a bola saiu ao lado da trave de Jefferson.

 

 

Segundo tempo. Mesmo com o placar de 2 x 0, o Cruzeiro começou a pressionar o Patrocinense logo na volta para a etapa final. Com apenas 1 minuto, Fred tocou para Rodriguinho, que se desvencilhou do zagueiro adversário e deu o passe para Marquinhos Gabriel, que bateu rasteiro para o fundo do gol: Cruzeiro 3 x 0. 

Apenas dois minutos depois, a estrela de Marquinhos Gabriel brilhou novamente. O camisa 20 recebeu passe novamente de Fred e saiu sozinho em direção ao goleiro Jefferson. O meia encobriu o arqueiro oponente com uma cavadinha e ampliou o placar, que virou goleada! Cruzeiro 4 x 0. 

Por pouco, Lucas Silva não anotou o quinto gol celeste aos nove minutos. Depois de Robinho cobrar falta, o volante cabeceou no canto. O goleiro Jefferson deu um tapa na bola e desviou para a linha de fundo. 

Aos 14 minutos, Rodriguinho dominou no peito e mandou uma bomba em direção ao gol. A bola explodiu na trave! 

O quinto veio aos 29 minutos. David cruzou para Sassá dentro da área, que dividiu com o goleiro adversário. A bola sobrou tranquila para Rodriguinho, que tocou e balançou as redes e fez o gol de número 5 do clube celeste: Cruzeiro 5 x 0.

Muito tímido, o Patrocinense, a rigor, só teve um lance de perigo através de Felipe Alves(o melhor do CAP no jogo), que carimbou o travessão de Fábio no final do segundo tempo, num chute de fora da área.

Não deu para entender por que o lateral Ian Barreto - um dos mais regulares jogadores do CAP - ficou no banco de reservas e Lucas Chinaqui entrou jogado. Não melhorou nada. A saida de Mauro Viana também complicou ainda mais uma defesa já completamente comprometida.

Claro que não dá para analisar um time em relação a outro. As realidades são muito diferentes. 

cruzxcap-quartas-de-final3

Dedê voltou ao CAP e fez boa partida

FICHA

CRUZEIRO 5 X 0 PATROCINENSE

Motivo: Quartas de final do Campeonato Mineiro 
Data: 23/03/2019 (sábado) 
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte 
Árbitro: Rônei Cândido Alves 
Público presente: 19.998 
Público pagante: 9.831 
Gols: Fred (Cruzeiro), aos 7 min do 1º T, Rodriguinho (Cruzeiro), aos 22 min do 1º T, Marquinhos Gabriel, a 1 min do 2º T e aos 3 min do 2º T e Rodriguinho, aos 29 do 2ºT 
Cruzeiro: Fábio; Edílson, Léo, Dedé e Egídio; Lucas Silva, Lucas Romero, Robinho (David), Marquinhos Gabriel (Jadson) e Rodriguinho; Fred (Sassá) 
Técnico: Mano Menezes 
Patrocinense: Jefferson; Kellyton, Juninho, Betão e Lucas Chinaqui (Ian Barreto); Mauro Viana (Leandro Oliveira), Arilson, Bruno Moreno, Tony Galego (Maikon Aquino) e Dedê; Felipe Alves 
Técnico: Rodrigo Fonseca 
Cartões amarelos: Mauro Viana e Dedê (Patrocinense) 
 


expressouniao 26062014 redehoje 600x100 insti